• Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
1.jpeg
Buscar
  • TV PONTUAL

Começa vacinação contra a gripe para idosos; veja postos em Goiânia


Capital tem 37 unidades destinadas a imunização. Segundo SMS, pessoas com mais de 60 anos representam maior perfil de risco e têm até sexta (28) para se vacinar.


Secretaria Municipal de Saúde começa vacinação de idosos em Goiânia (Foto: Divulgação/SMS)

Os idosos moradores de Goiânia podem se vacinar contra a gripe a partir desta segunda-feira (24) em 37 postos de saúde da capital. A imunização gratuita das pessoas com 60 anos ou mais faz parte da Campanha de Vacinação e vai até a próxima sexta-feira (28), respeitando um cronograma criado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da capital.

Conforme a SMS, os idosos que forem se vacinar devem levar documento de identidade. Eles representam o maior grupo da população de risco na capital, já que são 127.724 pessoas.

Outros perfis prioritários são os trabalhadores na área de saúde, que já foram imunizados, gestantes, crianças de até 4 anos, pessoas com doenças crônicas, professores, detentos e funcionários do sistema prisional.

O objetivo da Campanha é vacinar, no mínimo, 90% das 368.747 pessoas dos grupos de risco, portanto, ao menos 315.865 moradores da capital devem ser imunizados. O próximo grupo a receber as vacinas serão gestantes, puérperas e crianças de seis meses até quatro anos de idade.

Ainda conforme a SMS, o governo de Goiás deve repassar 370.850 doses da vacina para imunização dos grupos de risco na capital. A entrega deve ser feita em sete remessas diferentes, respeitando o calendário.

Cronograma de aplicação da vacina na capital:

  • 17 a 20 de abril – trabalhadores da saúde

  • 24 a 28 de abril – idosos

  • 2 a 5 de maio – grávidas, puérperas e crianças

  • 8 a 12 de maio – portadores de doenças crônicas

  • 13 de maio – Dia "D": todos os grupos

  • 15 a 19 de maio – professores

  • 22 a 26 de maio – detentos, adolescentes e jovens internados em medidas socioeducativas

Vacina

A vacina protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da Organização Mundial de Saúde (OMS): A/H1N1; A/H3N2 e influenza B.

Conforme dados do Ministério da Saúde, a vacina contra gripe reduz as complicações dos casos graves da doença. Além disto, de acordo com o órgão, a vacinação pode reduzir de 32% a 45% o número de pessoas internadas com pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações em virtude da influenza.