• Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
1.jpeg
Buscar
  • TV PONTUAL

Mascarados e policiais militares entraram em confronto durante protesto, em Goiânia


Grupo participava de manifestação no Centro, quando disparou rojões contra os policiais, que revidaram com cassetetes. Houve depredação em agências bancárias.


Mascarados e policiais militares entraram em confronto durante protesto, em Goiânia

Um grupo de mascarados entrou em confronto com a Polícia Militar, no início da tarde desta sexta-feira (28), na região central de Goiânia. Um vídeo mostra o momento em que os manifestantes jogaram rojões contra os policiais no cruzamento da Avenida Anhanguera com a Avenida Goiás. Os agentes revidaram usando cassetetes (veja no vídeo acima). Pelo menos um jovem ficou ferido.

Durante a confusão, que começou quando os mascarados tentavam queimar bandeiras, o rapaz ferido permaneceu caído no chão. Outros manifestantes o colocaram em cima de uma placa e o carregaram até o cruzamento da Avenida Goiás com a Rua 3, onde ele recebeu atendimento do Corpo de Bombeiros.

A corporação informou à TV Anhanguera que o jovem sofreu fraturas no rosto. Ele foi levado para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) e, segundo a unidade, o estado de saúde do rapaz é grave. Ele está sedado, intubado e passa por exames de imagem.


Jovem fica ferido durante manifestação em Goiânia (Foto: Vitor Santana/G1)

O porta-voz da PM de Goiás, tenente-coronel Ricardo Mendes, informou à TV Anhanguera que essa foi a primeira ocorrência da manifestação, que foi realizada na capital desde o início desta manhã. Ele disse que não tinha mais detalhes sobre o caso.

Ainda não há informações se há policiais feridos. Após a confusão, equipes da Cavalaria da PM, da Tropa de Choque e do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer) seguiram para a região.

Eles monitoram a movimentação dos manifestantes, que seguiram pela Rua 3, acessaram a Avenida Anhanguera, depois a 1ª Avenida e chegaram na Praça Universitária, onde encerraram o ato às 13h30 na frente da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Goiás (UFG).

Depredação

Durante o confronto, duas agências bancárias que ficam no cruzamento da Avenida Goiás com a Anhanguera tiveram vidros quebrados por mascarados. Além disso, comerciantes da região fecharam suas portas com medo de invasões e depredações.


Agências bancárias tiveram vidros quebrados durante confusão, em Goiânia, Goiás (Foto: Vitor Santana/G1)


Manifestante fica ferido durante confusão em protestos, em Goiânia