• Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Buscar
  • TV PONTUAL

Operação integrada da PF, PRF, CPE/Anápolis e 28 BPM impede resgate de presos


No dia 13 de setembro, através de informações em conjunto entre Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, CPE Anápolis e 28º BPM e levantamentos de ambas as instituições, suspeitou-se da possibilidade de um resgate de um reeducando, do Centro de Inserção Social de Anápolis.


Em uma das principais avenidas da cidade, na região Norte, este reeducando estaria sendo conduzido para tratamento odontológico na cidade de Anápolis-GO.

Diante destas informações foi realizado monitoramento pelo serviço de inteligência nas proximidades do provável local do arrebatamento, sendo observado pelas equipes a aproximação de um veiculo KIA/SORENTO, sendo este produto de roubo do dia 12/09/2017. Procedida abordagem policial, pelas equipes CPE CMD, CPE 90 e CPE 4503 onde foram detidos Welington Silva da Costa, Willam de Oliveira Cardoso Júnior , Débora Lima Sales e o menor G.P.D sendo localizadas com os abordados duas pistola (01 PT GLOCK / 9MM com kit rajada e 01 PT TAURUS / 380). Durante entrevista os indivíduos afirmaram as equipes que tinham a intenção de resgatar o preso Marcos Felipe da Silva Santos durante tratamento odontológico. Foi localizado ainda na residência de Welington Silva da Costa um veículo FIAT/ PALIO produto de roubo, sendo este veículo foi utilizado em um triplo homicídio no Bairro De Lourdes. Os detidos foram conduzidos a central de flagrantes e autuados pelos crimes de roubo, receptação, fuga de preso, associação criminosa para o crime do Código Penal (artigos 157, 180, 351 e 288) e porte e posse ilegal de arma de fogo previsto na Lei 10.826/13. (Artigos 14 e 16) Toda essa ação realizada pelos policiais, teve grande preocupação em preservar a vida dos transeuntes e abordados, pois a ação foi toda realizada em uma avenida de grande circulação de pessoas e não ocorreu nenhum disparo de arma de fogo e a ação dos indivíduos abordados foi frustrada, não deixando os mesmos atingirem o objetivo, que era o resgate do reeducando.