• Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
1.jpeg
Buscar
  • TV PONTUAL

Polícia Civil de Itumbiara prende um homem e uma mulher, pela prática de tráfico de drogas e associa



COMBATE AO TRÁFICO DE DROGAS ITUMBIARA

A POLÍCIA CIVIL, através do GENARC- GRUPO ESPECIAL DE REPRESSÃO A NARCÓTICOS, coordenado pelo Delegado Rogério Moreira, prenderam em flagrante delito, nesta terça feira (31), no Bairro Flamboyant, em Itumbiara, TALLES ALVES SILVA, 28 anos, e ELIS MARIA RODRIGUES, 20 anos, pela prática de tráfico de drogas e associação ao tráfico.

Após diversas diligências, policiais civis do GENARC, monitoraram os passos de TALLES, ja condenado por roubo, e é monitorado por tornozeleira eletrônica, suspeito de comercializar drogas em sua residência, com sua esposa, no bairro Flamboyant.

Assim, na noite desta quarta-feira, os policiais civis seguiram TALLES e sua esposa ELIS MARIA quando saíam do imóvel em um veículo VW Gol vermelho e flagraram o momento exato em que os investigados pararam o veículo no Bairro Buriti I e venderam uma porção de crack a um usuário de drogas.

Neste momento, os agentes do GENARC realizaram a abordagem policial e prenderam TALLES E ELIS MARIA em flagrante delito pela prática dos crimes de tráfico e associação ao tráfico de drogas.

Constatada a materialidade delitiva, os agentes adentraram à residências de TALLES E ELIS MARIA, no Bairro Flamboyant, apreenderam grande quantidade de drogas, sendo 500g de crack, 100g cocaína e porções de maconha, além de insumos para o refino da cocaína, como ácido bórico além de balança de precisão e dinheiro da venda de drogas. Diante do exposto, todos foram conduzidos à sede da Polícia Civil onde foi lavrado Auto de prisão em flagrante pela prática do crime de tráfico de drogas e, em seguida, foram encaminhados ao Presídio de Sarandi, onde permanecerão à disposição da justiça e se condenados à pena pode chegar a 15 anos de reclusão.

O usuário de drogas prestou depoimento e foi liberado em seguida.

Polícia Civil compromisso com a verdade e a justiça!