• Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
1.jpeg
Buscar
  • TV PONTUAL

Polícia Civil de Itumbiara prende um homem de 26 anos, pela prática do crime de tráfico de drogas.




A POLÍCIA CIVIL, através do GENARC- GRUPO ESPECIAL DE REPRESSÃO A NARCÓTICOS, coordenado pelo Delegado Rogério Moreira, prendeu em flagrante delito, na noite desta quinta-feira (08/02/2018), ITALO SANTOS COLETO, 26 anos, no Bairro Cidade Jardim, em Itumbiara, pela prática do crime de tráfico de drogas.

Policiais Civis do GENARC, Intensificando o combate ao tráfico de drogas em Itumbiara, tomaram conhecimento de que ITALO SANTOS e seu irmão ADRIANO GRIGOR, comercializavam, em associação criminosa, drogas ilícitas em duas residências, sendo uma localizado no Bairro Cidade Jardim e a outra no Centro de Itumbiara.

Colhidos os elementos de informações pelos investigadores apontando para a para a conduta de tráfico de drogas praticada pelos irmãos, os agentes do GENARC então se deslocaram, primeiramente, até a residência de ITALO SANTOS COLETO e o surpreenderam em posse de 10 porções consideráveis de maconha e um tablete de 500g de maconha além de uma mini-balança, droga e objetos que estavam ocultos em um engenhoso balde plástico com " fundo falso ", mas que não foi suficiente para ludibriar os Policiais Civis .

Realizada a prisão em flagrante de ITALO, os agentes se deslocaram até a residência do outro associado ADRIANO GRIGOR e este, ao presenciar a chegada dos policiais civis, empreendeu fuga, deixando no imóvel cerca de 180 pedras de crack, balança de precisão e sacos plásticos para embalar drogas.

Finalizadas as diligências, ITALO SANTOS foi conduzido à sede do GENARC onde esta sendo lavrado em seu desfavor auto de prisão em flagrante pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico, bem como o indiciamento de seu irmão ADRIANO GRIGOR, cujas penas somadas podem chegar a 15 anos de prisão.

Por fim, ITALO SANTOS será recolhido ao Presídio de Sarandi onde permanecerá à disposição da justiça.