PONTUAL_NOTÍCIAS
LOGO_MARCA_GOIÁS_1
1
3
LOGO
1
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Buscar
  • TV PONTUAL

Boletim Agro em Dados destaca resistência da agropecuária

A atividade é a menos atingida diretamente pela crise instaurada pela pandemia.  Dados levantados na publicação mostram, inclusive, crescimento no PIB do setor


Comunicação Setorial da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).


Goiás, por ser forte no setor agropecuário, tem sofrido menos que outros Estados os efeitos negativos da pandemia sobre a economia. É o que aponta a edição de junho do Boletim Agro em Dados, publicação da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), órgão do Governo de Goiás.


A publicação destaca que, em abril, mesmo com os efeitos negativos da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) foram geradas 690 novas vagas de emprego com carteira assinada no campo. Além disso, conforme aponta a publicação, em razão do Estado manter uma indústria alimentícia robusta, o Indicador de produção física da indústria para Goiás obteve recuo menor do que o registrado para a média brasileira.


Outro dado elencado é de que, enquanto a retração da demanda doméstica tem atingido mais fortemente as atividades voltadas ao mercado interno, o externo segue aquecido, com crescimento das exportações do agro, o que tem contribuído para os resultados positivos da balança comercial brasileira e goiana.


Segundo o secretário, Antônio Carlos de Souza Lima Neto, para o crescimento do setor, o Governo de Goiás tem trabalhado para abertura de novos mercados e fomentado o crédito. "Em Goiás, o trabalho tem seguido com o objetivo de atingir o maior número de produtores, de fomentar a diversificação da produção e de fortalecer as cadeias produtivas", aponta.


No primeiro quadrimestre de 2020, foram aprovados recursos do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO), na linha Rural, a mais de 1.500 produtores, com um montante contratado superior a R$ 500 milhões. A Seapa analisou cartas com valores acima de R$ 500 mil. "Em Goiás, a tendência é que o setor agropecuário continue a crescer, refletindo os bons resultados de safra, o que ratifica a importância do agro para o enfrentamento do choque econômico atual", ressalta.


Confira o boletim na íntegra: https://www.agricultura.go.gov.br/files/Agro-em-Dados-2020/AGROEMDADOS-JUNHO.pdf