PONTUAL_NOTÍCIAS
LOGO_MARCA_GOIÁS_1
1
3
LOGO
1
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Buscar
  • TV PONTUAL

Hugol completa quatro anos com mais de 8,5 milhões de procedimentos

Urgência e emergência


Por: Comunicação Setorial da Secretaria da Saúde de Goiás


O Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), unidade da Secretaria da Saúde de Goiás (SES-GO), completa quatro anos na prática de cuidar de vidas e educar em saúde. Para celebrar a data, nesta sexta-feira, dia 5, às 9 horas, haverá um culto ecumênico no auditório Francisco Ludovico.


O secretário da Saúde, Ismael Alexandrino, parabeniza o Hugol – maior hospital do Estado – e ressalta a importância da unidade para a rede de saúde pública em Goiás. Alexandrino lembra que, atualmente, o local opera com 444 leitos e a construção foi um avanço para a saúde da população goiana.


“Os bons resultados alcançados pelo Hugol na saúde do Estado nesses quatro anos nos motivam a buscar ainda mais melhorias. Nossa rotina diária é estar em constante renovação, sempre focando no ser humano, seja o que aqui está como paciente, acompanhante/visitante ou colaborador”, declarou o diretor geral do hospital, Hélio Ponciano Trevenzol.


“O Hugol foi um grande avanço para a saúde da nossa região e hoje somos muito bem atendidos em questão de hospital de urgência e emergência. Vários amigos meus já foram atendidos aqui e só tenho a elogiar toda a equipe”, declarou Florisvaldo Pereira da Silva, representante da Associação de Moradores do Bairro Floresta.


Hugol em números


O cuidado dedicado às vidas foi avaliado pelos usuários com 97% de satisfação, o que reflete a filosofia de trabalho voltada à humanização do atendimento e, acima de tudo, à resolutividade, com qualidade e segurança para os pacientes. Quanto à origem dos pacientes, 59% são moradores de Goiânia, principalmente da Região Noroeste, e 40% de outros municípios de Goiás. Além disso, 1% dos atendimentos foi dedicado a pacientes de outros Estados, denotando a representatividade que o hospital tem obtido no âmbito nacional, como é o caso da unidade especializada em queimaduras.


De julho de 2015 a junho de 2019, o hospital realizou mais de 8,5 milhões de procedimentos, entre urgência e emergência, internações, ambulatório e equipe multidisciplinar (6.148.566), procedimentos cirúrgicos (65.542), hemodinâmica (2.864), exames (2.254.779), transfusões (42.023) e coletas de sangue (35.940).


Atuar na educação em saúde da comunidade da Região Noroeste é uma das ações contínuas realizadas pelo Hugol, desde 2016. De lá até junho de 2019, o hospital já interagiu com 52.786 pessoas, realizando orientações e/ou procedimentos de saúde, por meio de seus programas institucionais Pare (Prevenção de Acidentes e Reeducação no Trânsito), Hugol na Comunidade e Hugol nas Escolas.


Marcos importantes


Em agosto de 2018, depois de uma implantação bem-sucedida das ações do projeto Melhorando a Segurança do Paciente em Larga Escala no Brasil, o Hugol foi destaque em evento sobre o tema, em São Paulo (SP), promovido pelo Proadi-SUS, na presença de convidados internacionais e dos hospitais do programa, composto por 119 UTIs do País.


Já em novembro daquele ano, a unidade implantou o escritório de melhoria, denominado Núcleo de Excelência Operacional (Nexo), iniciativa viabilizadora e mantenedora de novos métodos de gestão, inovadora no âmbito hospitalar, com foco em repensar os processos da unidade e propor o aperfeiçoamento contínuo dos setores, usando, principalmente, a metodologia Lean Six Sigma.


Março deste ano foi um mês de outros dois grandes marcos, com a realização do diagnóstico organizacional, primeiro passo para o processo de acreditação, que legitimará as práticas vigentes, com vistas a garantir o reconhecimento na esfera social, bem como as ações de melhoria contínua. Também foi realizado o 1º Encontro de Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial (Enface) do Hugol, que contou com a presença de palestrantes de renome nacional ministrando discussões para residentes e profissionais da área.


Mais recentemente, em abril, visando atender à demanda do Estado, foram ativados mais 55 leitos pediátricos, dos quais 45 são de internação e 10 de UTI, passando a receber pacientes via regulação estadual, com perfil de média e alta complexidade, que tiveram o primeiro atendimento no Hospital Materno Infantil.


Desde essa última implementação, o Hugol passou a totalizar 444 leitos ativos, 86 deles leitos de terapia intensiva – 59 para pessoas acima de 13 anos; 20 de UTI pediátrica, dedicados a crianças com 30 dias de vida até completar 13 anos de idade; além de sete especializadas no atendimento a pessoas acima de 13 anos que sofreram queimaduras. A internação dispõe de 310 leitos, divididos nas clínicas cirúrgica, médica, de ortopedia/traumatologia, de especialidades, cardiologia, queimaduras e pediátrica. Existem ainda 29 leitos para atendimento na urgência e emergência e mais 19 referentes à estabilização e observação dos pacientes infartados.


Serviço:

Culto Ecumênico – Aniversário de 4 anos do Hugol Data: sexta-feira, 5, às 9h Local: Auditório Francisco Ludovico do Hugol