• Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
1.jpeg
Buscar
  • TV PONTUAL

PF investiga estelionato contra a Caixa Econômica Federal

Operação Obliteração busca evitar novas fraudes e recuperar parte dos valores subtraídos da instituição financeira


Por: Polícia Federal

25/07/2019 10h18Última modificação: 25/07/2019 10h18


Campo Grande/MS – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (25/7) a Operação Obliteração, com o objetivo de localizar documentos falsos, objetos e instrumentos utilizados na falsificação, para evitar a prática de novas fraudes contra a Caixa Econômica Federal, bem como recuperar os valores subtraídos da instituição financeira, de forma a minimizar os seus prejuízos. Policiais federais deram cumprimento a três mandados de busca e apreensão.


As investigações tiveram início em setembro de 2018, quando a Caixa Econômica Federal informou a ocorrência de uma fraude (na modalidade estelionato), a qual teria ocasionado um prejuízo de mais de R$ 500 mil àquela Instituição.

Durante o curso das investigações, verificou-se que um indivíduo passou um cheque no valor total de mais de R$ 1,3 milhões para a Caixa Econômica Federal, que acabou disponibilizando parte dos valores. Quando a instituição financeira descobriu que o título de crédito era falsificado, boa parte dos recursos financeiros já tinham sido movimentada.


O nome da operação faz referência à atuação da Polícia Federal no sentido de obstruir ou obliterar este tipo de prática criminosa praticada por estelionatários, tal como a obliteração de selos, bilhetes ou transportes por carimbos, rasgos ou sinais gráficos.


Comunicação Social da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul Contato: (67) 3368-1105 E-mail: cs.srms@dpf.gov.b