PONTUAL_NOTÍCIAS
LOGO_MARCA_GOIÁS_1
1
1
PREFEITURA MUNICIPAL DE PONTALINA
4
2
ECOPLAST 2
LOGO
3
LOGO
3
1
18
ODONTOMEDY
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
Buscar
  • TV PONTUAL

Sergio Moro denuncia ‘revanchismo’ contra a Lava Jato

“O plano é consolidar os avanços contra a corrupção. Avançar no enfrentamento do crime organizado e combater o crime violento”, afirmou Moro.


Publicado em 28 de junho de 2019, 20h35

Por: Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.


O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, chamou de ataques as reações ao vazamento de supostas mensagens trocadas por ele quando era juiz da Lava Jato.


Ao receber a Ordem do Ipiranga, nesta sexta-feira (28), no Palácio dos Bandeirantes, Moro agradeceu o apoio do governador de São Paulo, João Doria (PSDB).


Segundo o jornal Exame, o ministro do governo Jair Bolsonaro declarou:

“Nas últimas três semanas, uma historia longa, conhecida, tenho sofrido vários ataques, achei que a Operação Lava Jato tivesse ficado para trás, estamos em uma nova fase. Mas há um certo revanchismo que às vezes reaparece.”

O ex-juiz ainda destacou a Operação Lava Jato como uma “vitória das instituições” e classificou como “caminho sem volta” a entrada na vida política, ao assumir o Ministério da Justiça.

Moro afirmou:

“O plano é consolidar os avanços contra a corrupção. Avançar no enfrentamento do crime organizado e combater o crime violento.”

E completou:

“Não podemos mais afirmar que essa impunidade é regra. Temos que avançar muito. Existe sempre a sombra do retrocesso. Precisamos ter uma vontade institucional de avançar. Permanecer parado ou retroceder é fácil. Essa foi uma vitória das instituições e da democracia.”